NOTÍCIAS


Indígenas cultivam 'amendoim gigante' e buscam ajuda para comercializar produtos em MT

A comunidade Ilha Grande cultiva até sete variedades de amendoins.

A comunidade indígena de Ilha Grande, no Parque Nacional do Xingu, em Querência, a 959 km de Cuiabá, está buscando ampliar a produção de amendoim ‘gigante’ para comercializar os produtos. O objetivo é adquirir renda e autonomia aos indígenas.

Segundo o cacique Siranho Kaiabi, a ajuda vem sendo solicitada às autoridades políticas desde 2020, mas sem retorno. Na aldeia, cerca de 20 famílias trabalham com a especiaria.

A comunidade se beneficia da produção para consumo próprio, mas agora, com o excedente, perceberam que podem vender os produtos. Para isso, no entanto, precisam de ajuda para alcançar essa etapa da comercialização.

“Nós trabalhamos, pescamos, caçamos e todos na comunidade se ajudam na tarefa de cada família. Não contamos com nenhum apoio. Contamos somente com nossa própria família”, disse.

A aldeia tem 85 indígenas da etnia Kayabi. Além do amendoim, eles também trabalham com produção de arroz, milho, mandioca, batata, lámen, abacaxi e cana de açúcar. Todas essas atividades podem ser ampliadas e comercializadas, segundo o cacique.

Fonte: G1 MT




26/03/2022 – Confresa FM

SEGUE A @CONFRESAFM

(66) 8427-4473


(66) 3564 – 1514
confresafm@hotmail.com
Confresa – MT

NO AR:
SHOW DA MANHÃ