NOTÍCIAS


PORTADORA DE MIELOMENINGOCELE

Acessibilidade, sonhos e fé: conheça a cadeirante que ganhou escapulário e subiu no palco de Zé Neto e Cristiano

Aos 20 anos, com cicatrizes que lhe moldaram forte, aguerrida e destemida, a estudante de arquitetura nascida com mielomeningocele, Millena Vivian de Azevedo Proença é a cadeirante que ficou conhecida no país após ganhar escapulário e subir no palco da dupla Zé Neto e Cristiano durante um show em Cuiabá, no dia 21 de maio. De lá pra cá, sua rotina ficou movimentada diante do engajamento em suas redes sociais e também pela repercussão que o episódio teve, como por exemplo a aparição na Coluna Léo Dias. 

 Dentre os novos seguidores, comentários carinhosos recebidos de pessoas desconhecidas, aparições em programas de televisão em rede nacional e na coluna de Léo Dias – a mais famosa do país – Millena conversou com o Olhar Conceito para contar um pouco da sua vida que antecede o episódio com os sertanejos.  

“Millena é uma mulher de 20 anos que tem cicatrizes que me fizeram torná-las uma marca de luta e cada uma delas tem uma história”, contou.  

Ela que ama fazenda, gosta de ficar com a família e amigos, também é devota de Nossa Senhora Aparecida desde que nasceu e sente que a santa a tem acompanhado e ajudado “em todos os momentos”.  

Portadora de mielomeningocele – uma falha no fechamento do tubo neural, estrutura que origina a medula e o cérebro no embrião – Millena já passou por nove procedimentos cirúrgicos, mas nunca se deixou abalar. Muito pelo apoio que recebeu de seus familiares que sempre lhe mandaram forças e, também, pelo carinho de seus colegas e amigos.  

“Minha autonomia veio pela criação dos meus pais e da minha família, que sempre me apoiaram em tudo e dizem que a cadeira não vai me impedir de fazer nada que eu queria. E isso me deu forças para que eu conseguisse pensar que a cadeira fosse parte de mim e não um objeto”. 

Na época de escola, a maior dificuldade que enfrentou foi de acessibilidade, mas logo foi resolvida pela coordenação do colégio Notre Dame de Lourdes, que instalou rampas para que ela pudesse se locomover.  

Foi no Notre Dame, escola que sempre estudou, que ela estabeleceu seus laços de amizade, cuja relação sempre fora de respeito e nunca com preconceitos.  

“Na minha adolescência meus colegas continuaram os mesmos, com o mesmo carinho de sempre. Nunca sofri nenhum tipo de preconceito”, acrescentou.  

Passados os anos de ensino médio, a escolha por um curso de faculdade veio à tona e Millena teve que se decidir. Para tomar sua decisão, levou em consideração a profissão da cunhada, que também é arquiteta.  

“Eu sempre gostei de decoração, de construção, mas o que me alavancou mesmo foi conhecer minha cunhada. Ela me deu muita força e aí eu tive mais interesse ainda em cursar arquitetura”.  

Agora no segundo semestre de Arquitetura e Urbanismo pela Univag, a estudante tem objetivos profissionais e sonhos a se materializar, que envolvem projetos e construções de casas adaptadas para qualquer tipo de deficiente, “e também para o público sem deficiência”, acrescentou.  

Sobre acessibilidade na capital, ela que utiliza cadeira de rodas durante toda a vida, pontuou que Cuiabá carece de mais acessibilidade ao público com deficiência.  

“Olha acho que falta bastante acessibilidade nas ruas sim e em alguns lugares que eu vou também. Faltam rampas de acesso às ruas da cidade Enquanto estudante de arquitetura a própria univag tem acessibilidade e eu amo isso, as pessoas estão sempre lá pra ajudar, banheiros acessíveis e tudo mais”, disse. 

O bate-papo com a estudante terminou com mensagem de inspiração àqueles que pensam em desistir diante das adversidades da vida. “Eu diria que para Deus nada é impossível, que tudo nessa vida vem com muita luta, mas que todos conseguimos o que queremos […] independente da sua limitação, você vai conseguir sim”, finalizou.  

Garota Vip 

Cuiabana, Millena Vivian de Azevedo Proença, de 20 anos, é estudante de Arquitetura do Univag e fã de carteirinha da dupla Zé Neto e Cristiano. Ela acompanha os sertanejos desde que eles iniciaram a carreira. O que a estudante não esperava é que Zé Neto a encontrasse no meio do mar de gente do Garota Vip, no sábado (21), e lhe desse o escapulário que estava usando no pescoço. Não bastasse o presente, a dupla ainda subiu Millena para o palco e deixou a fã assistir toda apresentação ali, bem de perto deles. 

“Por incrível que pareça o que mais me emocionou foi o abraço deles, o abraço deles valeu tudo. Foi espontâneo, tudo na hora. Eu não sabia como reagir aquilo, fiquei tão emocionada que eu não sabia se estava tremendo de frio ou de emoção”, contou.   

Durante a apresentação, os sertanejos notaram a presença da fã cuiabana, que nasceu com má formação na coluna, chamada de mielomeningocele. Por conta disso, a estudante precisa de cadeira de rodas para se locomover.  “Ela não está conseguindo assistir o show direito daqui, vocês poderiam subir ela no palco por favor?”, disse Zé Neto. 

“A gente sabe o quanto é difícil vir aqui no show sem nenhum tipo de comorbidade, agora você imagina dessa menina aqui”, reforçou Zé Neto para Millena, quando ela já estava em cima do palco com a dupla. 

Millena estava indo para seu primeiro show após pandemia. Para ela, seria mais um show dos sertanejos, tudo dentro da normalidade. Acontece que os cantores perceberam que ela estava ali. “Então, eu estava na lateral do palco quando o Cristiano me viu me mandou beijo e chamou o Zé. O Zé parou o show e pediu para os seguranças me subirem. Antes disso, ele me deu o escapulário na verdade. Aí eles conversaram comigo. Toda hora eles iam lá em mim para ver se eu estava bem, porque eu estava chorando muito. Foi sensacional”.   

Fonte: Olhar Direto




02/06/2022 – Confresa FM

SEGUE A @CONFRESAFM

(66) 8427-4473


(66) 3564 – 1514
confresafm@hotmail.com
Confresa – MT

NO AR:
A VOZ DO BRASIL